MUSEU DA INCLUSÃO

O Memorial da Inclusão trata da narrativa da luta da pessoa com deficiência, retratando a busca incessante pela inclusão e pela independência desse público. Além da exposição, o Memorial é responsável por estudos, debates, simpósios, seminários, cursos, rodas de conversa e palestras.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: tcabral@sedpcd.sp.gov.br

VIRADA INCLUSIVA

A Virada Inclusiva visa articular e mobilizar pessoas e organizações para a causa da inclusão e da valorização da diversidade. Em formato cultural, em todo o estado de São Paulo, reúne diversas atrações como música, teatro, dança, pintura e esporte, todos com recursos de acessibilidade visando a pessoa com deficiência e seu protagonismo.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: tcabral@sedpcd.sp.gov.br

BOLETIM ELETRÔNICO INCLUSÃOSP News

Em setembro de 2019 foi criado o Boletim Eletrônico INCLUSÃOSP News, que tem como objetivo informar os cidadãos sobre as ações da SEDPcD e sobre informações atualizadas do segmento das pessoas com deficiência. Produzido mensalmente em formato acessível, no propósito de ser um elo da Secretaria com a Sociedade, o Boletim tem como objetivo noticiar, celebrar datas comemorativas, contemplar os debates em âmbitos legislativos sobre o tema e informações de utilidade e interesse público.
Responsável: Simone Nieves
Contato: simone.regina@sedpcd.sp.gov.br

PODCAST INCLUSÃOSP
Em 2020 foi criado o Podcast InclusãoSP com o intuito de transmitir informações sobre o segmento da pessoa com deficiência com pessoas técnicas da área para discorrer sobre temas pertinentes. Esses temas são propostos de forma que atenda as pessoas com deficiência nas áreas de utilidade pública, informacinal e interesse público. A ideia é disseminar informação como forma de incluir ainda mais as pessoas por meio da comunicação.
Responsável: Simone Nieves
Contato: simone.regina@sedpcd.sp.gov.br

BASE DE DADOS DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA


Fornecer dados censitários e informações sobre a pessoa com deficiência organizados nas áreas de educação, saúde, emprego e renda, desenvolvimento social, entre outras, de modo a subsidiar a indução de políticas públicas e de novas ações inclusivas municipais e estaduais. A plataforma também tem como objetivo ser fonte de estudos para pesquisadores e profissionais interessados na temática da inclusão da pessoa com deficiência, além de ser um instrumento de monitoramento do progresso das políticas relacionadas à deficiência e da implementação da Convenção Internacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Parceiros: (Ministério do Trabalho e Emprego/Ministério do Desenvolvimento Social/ Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência/ Secretaria da Educação/ Secretaria de Desenvolvimento Social/Secretaria da Saúde/FIPE/IBGE/SEBRAE.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: schwerz@sedpcd.sp.gov.br

PROGRAMA PRAIA ACESSÍVEL


Visando a inclusão por meio do lazer e presente em 28 cidades do Estado de São Paulo, o Programa Praia acessível tem o objetivo de possibilitar o acesso das pessoas com deficiência ao banho de mar de maneira segura e confortável. Para que isso aconteça, são destinadas cadeias anfíbias, cadeiras com pneus especiais desenvolvidas para o passeio na areia e que não afundam dentro da água, para os municípios do Estado que possuem praias de água salgada, rios de água doce e represas.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: tcabral@sedpcd.sp.gov.br

ACESSIBILIDADE PARQUES ESTADUAIS


Em parceria com a Fundação Florestal, o objetivo dessa ação é desenvolver projetos de acessibilidade nas Unidades de Conservação administradas pela Fundação, visando as pessoas com deficiência. Nesse objetivo de tornar os parques do Estado de São Paulo mais acessíveis, a ação também prevê a capacitação para que os funcionários e os monitores possam realizar atendimento especializado para visitantes com deficiência e/ou mobilidade reduzida.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

 

CENTRO DE APOIO DA DELEGACIA DE POLÍCIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Uma delegacia que atende pessoas com diferentes graus de deficiência e que mantém um centro de apoio para, se necessário, encaminhar quem a procura para serviços públicos especializados. Essa é a 1ª Delegacia de Polícia da Pessoa com Deficiência do Estado de São Paulo, que tem por objetivo promover, além do tratamento policial, um trabalho assistencial associado à rede pública de assistência. Resultado de uma parceria entre a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Segurança Pública.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

CENTRO DE INFORMAÇÃO À PESSOA COM DEFICIÊNCIA


O Centro de Informação à Pessoa com Deficiência tem como finalidade oferecer informações de utilidade pública à pessoa com deficiência por meio da instalação de 1 quiosque na estação Tatuapé do Metrô. Neste Centro oferecemos serviços de intérpretes de libras, pequenos consertos em cadeira de rodas , bengalas e recebimento de currículos para encaminhamento ao PEIs – Polos de Empregabilidade Inclusivos. O local funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h. O projeto foi concebido pela Secretaria para oferecer importantes serviços a essas pessoas, em locais de fácil acesso. Por isso, foi escolhido o Metrô, que conta com estações e trens acessíveis. Em todo o sistema há piso tátil, elevadores, escadas rolantes, rampas, comunicação visual e sinalização adequadas que dão autonomia de locomoção ao público com deficiência ou mobilidade reduzida. Além disso, todos os funcionários da operação são capacitados para esse atendimento. Diariamente, cerca de 1,8 mil pessoas com deficiência são atendidas nas 62 estações administradas pela Companhia, nas linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e 15-Prata.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

CARAVANAS DA INCLUSÃO, ACESSIBILIDADE E CIDADANIA


A Caravana da Inclusão leva para todo o estado de São Paulo, inclusive interior e litoral, os programas e ações da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e dados censitários e de relevância sobre as pessoas com deficiência da região. O objetivo é colocar esse tema em pauta nos âmbitos municipais, além de auxiliar na criação de políticas públicas especificas para as pessoas com deficiência das localidades.
Responsável: Dr. Ricardo Geciauskas
Contato: tsoliveira@sedpcd.sp.gov.br

TODAS IN-REDE


Incidir na promoção do empoderamento e emancipação das mulheres com deficiência do Estado de SP, visando favorecer a melhoria da sua qualidade de vida e inclusão social. O Programa será lançado no mês de maio/2020 e prevê ações de articulação e mobilização regional visando garantir um fluxo de comunicação ágil e protetivo às mulheres com deficiência no Estado de SP. Se constituirá também como uma rede virtual informativa e interativa junto a este público alvo.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: fernanda.ferreira@sedpcd.sp.gov.br

 

COMITÊ ESTADUAL DE COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA A PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Implementar, gerir e monitorar as ações do Programa Estadual de Prevenção e Combate à Violência contra pessoas com deficiência, instituído pelo Decreto Estadual nº 59.316/2013. Integrantes: SEDPcD (Coordenadora da Comissão)/ Secretária da Saúde/Secretaria de Desenvolvimento Social/Secretaria da Segurança Pública/Secretaria da Educação/Secretaria da Justiça e Cidadania.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

POLOS DE EMPREGABILIDADE INCLUSIVOS


O Polo de Empregabilidade Inclusivo é um programa que tem como objetivo promover a inclusão, permanência e desenvolvimento profissional de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Utiliza a metodologia do emprego apoiado como estratégia para a inclusão Profissional. Atualmente, contamos com 2 (dois) Pólos em funcionamento na cidade de São Paulo: PEI – Imigrantes e Boa Vista.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: fernanda.ferreira@sedpcd.sp.gov.br

PRÊMIO MELHORES EMPRESAS PARA TRABALHADORES COM DEFICIÊNCIA


Valorizar o trabalho humano voltado às pessoas com deficiência por meio do reconhecimento de boas práticas de inclusão profissional de pessoas com deficiência no mercado de trabalho como uma forma de incentivo à outras empresas estimulando constantes melhorias nas iniciativas responsáveis de inclusão profissional de pessoas com deficiência nas empresas do Estado de São Paulo.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: fernanda.ferreira@sedpcd.sp.gov.br

 

CURSO DE LIBRAS (EAD) PARA PROFESSORES DA REDE ESTADUAL


O curso de libras EAD para professores da Rede Estadual , tem a parceria da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo e visa formar professores na Língua Brasileira de Sinais para que possam se comunicar de forma eficiente com os alunos surdos matriculados na rede Estadual de educação.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov

BOAS PRÁTICAS NO ENSINO SUPERIOR INCLUSIVO

Garantir o avanço das políticas de inclusão das pessoas com deficiência na sociedade, de forma a incentivar: a) incentivar a produção de pesquisas sobre a temática deficiência; b) incluir o tema da deficiência na grade de conteúdo dos cursos de graduação; c) disponibilizar recursos de acessibilidade para a inclusão e permanência de alunos com deficiência na universidades; d) compartilhar artigos acadêmicos/científicos e publicações correlatas ao tema da deficiência para divulgação. Nossos parceiros: Unesp, Unicamp, Univesp, USP e CPS – Centro Paula Souza.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: rbatini@sedpcd.sp.gov.br

 

CTPB – CENTRO DE TREINAMENTO PARALÍMPICO BRASILEIRO


O Centro de Treinamento Paraolímpico Brasileiro está localizado no Parque Fontes do Ipiranga, Zona Sul de São Paulo, e tem instalações esportivas indoor e outdoor que servem para treinamentos, competições e intercâmbios de atletas e seleções em 15 modalidades paralímpicas: atletismo, basquete, esgrima, rúgbi e tênis em cadeira de rodas, bocha, natação, futebol de 5 (para cegos), futebol de 7 (para paralisados cerebrais), goalball, halterofilismo, judô, tênis de mesa, triatlo e vôlei sentado. Além disso, tem área residencial com alojamentos com capacidade para 280 pessoas, refeitório, lavanderia e um setor administrativo com salas, auditórios e outros espaços de apoio. O CT Paraolímpico ter por missão desenvolver ações que possam posicionar o país entre as maiores potências esportivas do mundo. A construção do primeiro Centro de Treinamento Paraolímpico do Brasil foi oficializada em janeiro de 2013, em São Paulo. O objetivo, também, é desenvolver iniciativas que ajudem a massificar o esporte paralímpico no Brasil e auxiliar na inclusão da pessoa com deficiência em nossa sociedade.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: mayra.santos@sp.gov.br

ACADEMIAS ADAPTADAS


Presentes em 172 cidades paulistas, as academias adaptadas promovem a inclusão através do esporte, com a entrega de aparelhos de musculação para pessoas com deficiência. Os equipamentos apresentam biomecânica e oferecem conforto ao usuário. Eles são práticos, funcionais e versáteis para possibilitar fácil acesso com segurança e aumentar a motivação da pessoa com deficiência física em realizar atividades físicas. Como estão localizadas em espaços públicos, as academias adaptadas podem ser acessadas livremente.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: tcabral@sedpcd.sp.gov.br

EQUITAÇÃO ADAPTADA


O Governo do Estado de São Paulo inaugurou no Parque da Água Branca, em SP, um espaço dedicado à equitação adaptada para pessoas com deficiência. Trata-se de uma atividade que proporciona socialização, autoconfiança e prazer aos praticantes ao promover por meio do cavalo uma abordagem multidisciplinar por seus estímulos sensório-motor. Ao montar, a pessoa com deficiência se beneficia do movimento ritmado, além de ser extremamente prazeroso por ocorrer num ambiente não clínico e em contato com um animal de grande porte.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: tcabral@sedpcd.sp.gov.br

JOGOS ESCOLARES DO ESTADO DE SÃO PAULO


Os Jogos Escolares do Estado de São Paulo – JEESP têm por objetivo promover por meio da prática paradesportiva a integração e o intercâmbio entre alunos, favorecendo a descoberta de novos talentos esportivos que possam ser selecionados para compor a Delegação do Estado de São Paulo na etapa Nacional as Paralimpíadas Escolares, participarem do programa “Bolsa Talento Esportivo”, além de fomentar o paradesporto escolar no Estado de São Paulo.
Responsável: Juliana Soares
Contato: juliana.soares@sp.gov.br

TIME SÃO PAULO PARALÍMPICO


Pagamento de Bolsa para planejar, organizar, executar, controlar e avaliar ações de suporte ao desenvolvimento esportivo de atletas paraolímpicos de alto nível, vinculados ao Estado de São Paulo, que apresentem potencial de bom desempenho nos Campeonatos Mundiais. A equipe de 2020 conta com 63 atletas de alta performance em 11 modalidades paraolímpicas: Atletismo, Judô, Tiro Esportivo, Natação, Tênis de Mesa, Halterofilismo, Triatlo, Bocha, Ciclismo, Canoagem e Taekwondo. Os Atletas do TIME SP foram responsáveis por 27% das medalhas conquistadas nos Jogos Parapan-Americanos realizados entre agosto e setembro de 2019, no Peru. Atualmente patrocinamos 63 atletas.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: mayra.santos@sp.gov.br

REDE DE REABILITAÇÃO LUCY MONTORO

Logotipo da Rede Lucy em fundo branco

A Rede de Reabilitação Lucy Montoro presta um serviço especializado para pacientes com deficiências físicas incapacitantes, motoras e sensório-motoras. Esse atendimento é realizado por equipes multidisciplinares formada por profissionais: médicos fisiatras, enfermeiras, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, educadores físicos e fonoaudiólogos. São 17 unidades estrategicamente posicionadas em todo o estado de São Paulo.
Responsável: Fabiana de Macedo
Contato: fmacedo@sedpcd.sp.gov.br

ATENDIMENTO SURDOCEGUEIRA
O programa é destinado às pessoas com surdocegueira e deficiência múltipla sensorial, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida, resgate da autoestima, qualificação e requalificação profissional, através de oficinas culturais, de autonomia e sociais, para comunicação, leitura , escrita e atividade física, e profissionalizante com aulas de panificação e culinária.
Responsável: Fabiana de Macedo
Contato: fmacedo@sedpcd.sp.gov.br

ATENDIMENTO DEFICIÊNCIA VISUAL
O programa contribui para a inclusão das pessoas com deficiência visual através de minimizar as restrições na participação e estimular as atividades por meio de métodos compatíveis com o desenvolvimento da pessoa com deficiência visual, aspectos culturais e sociais, além de interação com fatores pessoais e ambientais. O programa desenvolve ações para a promoção da qualidade de vida da pessoa com deficiência visual, contemplando também, atividades de sensibilização, de orientação e/ou apoio no âmbito da participação social das pessoas com deficiência visual e seus familiares.
Responsável: Fabiana de Macedo
Contato: fmacedo@sedpcd.sp.gov.br

CURSO DE LIBRAS

O Curso de Libras faz parte do programa de formação de Intérpretes de Libras. Oferecido gratuitamente pela SEDPcD, os alunos desenvolvem o aprendizado da língua nos níveis Básico, Intermediário e Avançado. O curso é ofertado na capital e nas cidades do interior e litoral do Estado de São Paulo, com público alvo prioritário de funcionários de órgãos públicos, para que o atendimento à população seja cada vez mais inclusivo, e é também aberto para a população em geral.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

MODA INCLUSIVA


O Programa Moda Inclusiva propõe uma reflexão comportamental, estimula alunos, profissionais e o mercado da Moda a abordarem o tema. A ideia é fazer com que a moda seja abordada de forma abrangente, visando em peças que sejam capazes de atender pessoas com e sem deficiência, utilizando pequenas adaptações e funcionalidades. Na capital, no interior e no litoral, o Moda tem levado as ações de Desfiles Inclusivos, Aulas Abertas, Workshops em Centros de Reabilitação, Exposições e Cursos, nos módulos Negócios e Criação.
Responsável: Thiago Cabral
Contato: ipmsilva@sedpcd.sp.gov.br

CURSO PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA CONTRA PESSOA COM DEFICIÊNCIA (EAD)
Capacitar, informar e difundir a temática da violência contra as pessoas com deficiência a fim de aperfeiçoar o olhar dos servidores estaduais e municipais e população em geral, acerca dessa temática, permitindo melhor identificação, denúncia, atendimento e compreensão do que é a violação de direitos das pessoas com deficiência. Público Alvo: servidores estaduais e municipais que atuam diretamente com o público; pessoas em geral interessadas na temática; estudantes de nível superior, cuidadores, profissionais da rede privada de educação e saúde, serviço social etc.
Responsável: Luiz Oberdan
Contato: loliporoni@sedpcd.sp.gov.br

GRUPO DE TRABALHO ADULTO E IDOSO COM DEFICIÊNCIA


Este GT – Grupo de Trabalho tem por objetivo consolidar uma política pública voltada a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência adulta e idosas do Estado de São Paulo. Integrantes: 1) SEDPcD – Aracélia Lúcia Costa – Fabiana de Macedo – Marcos Alexandre Schwerz 2) SES – Secretaria Estaudal da Saúde: Ligia Maria Carvalho de Azevedo Soares – Claudia Marina Fló – Maria Cristina Horta Villar; 3) SEDS – Secretaria Estadual do Desenvolvimento Social: – Elaine Cristina Silva de Moura – Tatiane Sousa Magalhães – Maria Andréia Junqueira Fernandes – Luciana Bolognini Machado.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: schwerz@sedpcd.sp.gov.br

GRUPO DE TRABALHO – CAPACIDADE JURÍDICA E TOMADA DE DECISÃO APOIADA


Este GT – Grupo de Trabalho tem por objetivo garantir os avanços necessários para o acesso das pessoas com deficiência aos direitos previstos pelos artigos 6 e 84 da Lei Brasileira de Inclusão , Lei Federal nº 13.146/2015. Integrantes do GT: SEDPcD: Aracélia Costa – Secretária Executiva e Rafael Battini – Executivo Público- / SMPED: Marinalva Cruz Secretária Adjunta/ SEJC -Marília Martino Sant’Ana – Assessor Técnico/ Defensoria Pública SP: Fernanda Dutra Pinchiaro Defensora/ CEAPcD: Maria Helena Mozena – 1ª Secretária/ CMPD-SP: José Silvio Silva Barreto – Conselheiro/OAB-SP: Viviane Limongi – Advogada/ Instituto Jô Clemente: Daniela Machado Mendes – Superintendente Geral e Dra. Stella Reicher – Advogada / FBASD – Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down – César Lavoura Romão – Advogado.
Responsável: Sec. Exec. Aracélia Costa
Contato: schwerz@sedpcd.sp.gov.br