Voltar para lista de notícias

Virada Inclusiva 2023: SEDPcD abre inscrições para workshop de elaboração de peças em argila no Museu da Inclusão

Encontro acontece em dois horários (manhã e tarde) na próxima sexta (8); atividade inclusiva trabalha parte lúdica e sensorial de pessoas com e sem deficiência

dezembro - 2023
pessoas participando de workshop

Pessoas sentadas em volta de mesa durante workshop, no centro da mesa uma peça de argila

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPcD) abriu as inscrições para o Workshop de Arte que vai reunir pessoas com e sem deficiência elaborando peças em argila na próxima sexta-feira (8) no Museu da Inclusão, equipamento cultural da pasta estadual localizado na capital.

A atividade integra a programação da Virada Inclusiva, iniciativa da SEDPcD que está promovendo, até 10 de dezembro, atividades culturais, esportivas e de lazer em todo o estado em parceria com municípios, entidades e sociedade civil (confira aqui a programação) .

O workshop é de realização da unidade Jardim Humaitá da Rede de Reabilitação Lucy Montoro, voltada à reabilitação de pessoas com deficiência visual, e tem o objetivo de estimular o sentido sensorial dos participantes por meio da elaboração de seres e animais imaginários com argila. A unidade promove o workshop com seus pacientes para o desenvolvimento e estimulação da criatividade por meio da composição de peças em argila, e traz a atividade tátil para a Virada Inclusiva com o objetivo de demonstrar a atividade que auxilia no desenvolvimento cognitivo dos atendidos.

O encontro será comandado pelo professor de arte do serviço, Daniel Fonseca de Freitas, e acontecerá de manhã e de tarde, em duas turmas de 35 pessoas – cada uma com duas horas de duração. As inscrições podem ser feitas de acordo com a preferência de horário do participante (links abaixo).

“Muito importante promover, para pessoas com e sem deficiência, a experimentação dessa atividade tão importante. É uma prática artística que auxilia no desenvolvimento do sistema cognitivo de pessoas com deficiência visual durante a reabilitação. Enquanto a pessoa molda a argila de acordo com seus conceitos e subjetividades, ela reinventa sua realidade e, ao mesmo tempo, está imersa em em processos cognitivos que estimulam a percepção, o pensamento e a memória” destaca o secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marcos da Costa.

Serviço
Virada Inclusiva: Workshop de Arte no Museu da Inclusão
Horário: 9h às 11h / 13h30 às 15h30
Local: Museu da Inclusão | Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Endereço: Av. Mário de Andrade, 564 – Portão 10 – Barra Funda – São Paulo/SP (ao lado da estação Barra Funda)
Inscreva-se: 08/12 – das 9h às 11h 
Inscreva-se: 08/12 – das 13h30 às 15h30 

Museu da Inclusão
O Museu da Inclusão é um equipamento da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPcD) e trata da narrativa da luta da pessoa com deficiência, retratando a busca incessante pela inclusão e pela independência desse público.

Atualmente está em cartaz no espaço a exposição “Apropriação da Paisagem”, do Instituto Jô Clemente (IJC), com registros fotográficos de pessoas com deficiências intelectuais e Transtorno do Espectro Autista (TEA). O Museu fica aberto para visitação de segunda a sexta-feira das 10h às 17h.

Rede de Reabilitação Lucy Montoro
Com o objetivo de proporcionar o melhor e mais avançado tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências físicas auditivas, visuais e intelectuais, foi criada, em 2008, a Rede de Reabilitação Lucy Montoro pelas secretarias estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência e de Saúde.​

O Estado de SP conta com 20 Unidades espalhadas pela capital, interior e litoral. A unidade Jardim Humaitá, especializada em atendimentos de reabilitação visual, está sob gestão apenas da SEDPcD.